03/06/2013

Dois morrem em acidente na rodovia de Barão de Cocais

Sem comentários
CONTEÚDO EXCLUSIVO PARA ASSINANTES - CLIQUE AQUI

 

A estudante Flávia Azevedo Pulinho, 23 anos, e o mecânico Erivelton Elias da Silva, 21, morreram e mais dois jovens – irmãos dele – ficaram gravemente feridos num acidente ocorrido na rodovia MG-436, que interliga Barão de Cocais e Santa Bárbara. O caso aconteceu por volta dos 12h30 de ontem, numa reta próxima ao único radar de controle de velocidade na rodovia.
 
Segundo o boletim de ocorrência da Polícia Rodoviária Estadual (PRE), o motoxista Marcelo Rogério Neres disse que estava em sua moto pela rodovia e foi ultrapassado por dois veículos. Devido à alta velocidade em que estavam, ele deduziu que os carros disputavam um “pega”.
 
Marcelo Neres disse ainda que viu quando o Monza Classic, dirigido por Erivelton Silva, ficou sem controle e caiu numa ribanceira de aproximadamente 100m. O mototaxista não identificou o outro carro, mas seria um Chevette. Erivelton Silva e Flávia Azevedo morreram na hora.
 
Consciente, Franciele Stephane Lacerda de Souza, que estava no Monza, contou à polícia que o grupo de amigos estava participando da cavalgada em Cocais, distrito de Barão. Segundo Franciele Stephane, Erivelton Silva tinha feito uso de bebida alcoólica. O grupo havia decidido ir de Cocais para Santa Bárbara, onde outra festa era realizada.
 
Sobre a informação de que Erivelton Silva dirigia em alta velocidade, a jovem explicou que a intenção dele era alcançar um grupo de amigos que havia saído primeiro de Cocais também rumo a Santa Bárbara.
 
Franciele Stephane confirmou que os motoristas dos veículos – o outro era um Chevette – disputavam um racha, pois “um chamava o outro na seta”.
 
Lukas da Silva e Ademir Elias da Silva – que eram irmãos de Erivelton – também estavam no carro e se feriram gravemente. Eles foram levados para o Hospital Nossa Senhora do Perpétuo do Socorro em Santa Bárbara.
 
Lukas Silva sofreu traumatismo craniano; seu irmão Ademir sofreu trauma na face. Franciele Stephane teve luxação no ombro direito. Franciele Stephane foi conduzida para o Hospital Municipal Waldemar das Dores em Barão de Cocais.
 
O Grupo de Resgate Voluntário de Emergência (GRVE), de Barão de Cocais, foi quem socorreu as vítimas – todas moravam naquela cidade.
 
Erivelton Silva completaria 22 anos hoje. Ele será enterrado hoje no distrito de Cocais, em Barão.
Seja o primeiro a comentar